Qual a Importância da Inteligência de Negócios pra Sua Empresa Obter Sucesso no Marketing e Vendas

Qual a Importância do Business Intelligence para o Seu Negócio
O Business Intelligence pode fazer toda a diferença no sucesso da sua corporação. Leia e descubra agora mesmo a importância dele para a sua empresa.

👇🏾 O que você verá neste artigo:

Com todos os avanços tecnológicos que temos hoje em dia, as organizações passaram a ser movidas a dados e sistemas. Pensando nisso, foi necessário implementar uma forma de transformar suas bases em informações que agreguem valor à tomada de decisão e, dessa forma, surgiu o Business Intelligence.

Uma pesquisa foi divulgada pelo Stratistics MRC sobre o assunto. De acordo, com os dados, este é um mercado que se expandiu US$ 15,64 bilhões em 2016 e tem expectativas de alcançar US$ 29,48 bilhões até 2022.

Por essa razão, a verdade é que qualquer pessoa que tente gerir sua companhia sem fazer uso dessa estratégia, hoje em dia, vai falhar.

Especialmente porque o mercado é extremamente competitivo e não trabalha com achismo, o que faz com que esta prática seja indispensável para o seu negócio crescer.

Ainda assim, apesar de bem difundido e de mais de 46% das pequenas empresas utilizarem este método, muitas pessoas ainda não entendem a importância desse conceito para a saúde e sustentabilidade de uma empresa. Essa falta de conhecimento pode ser alarmante.

Por isso, separamos alguns tópicos para falar sobre o business intelligence e o quanto ele é essencial. Quer saber mais? Continue lendo e surpreenda-se!

O que é o Business Intelligence?

Também conhecido como inteligência empresarial, o business intelligence é a melhor forma de otimizar as falhas da sua empresa e de manter sua companhia em destaque no mercado extremamente exigente e competitivo das organizações.

Ele é reconhecido dessa maneira por abordar inúmeros setores do seu negócio: operacional, controle financeiro, comercial e marketing.

O business intelligence parte do conceito de teorias, metodologias, tecnologias, processos e estruturas unidas para, como dito antes, pegar dados e sistemas já existentes na sua empresa e transformá-los em informações que melhorem sua gestão.

Ou seja, são técnicas e ferramentas que vão dar suporte na hora de tomar decisões e monitorar o resultado do que foi investido.

Além disso, a inteligência empresarial serve para descobrir as vantagens ideais para o seu negócio, a partir da análise das informações obtidas. O BI serve para integrar sua empresa e o gerenciamento da Tecnologia da Informação.

Qual a importância desta prática para as organizações?

Você sabia que segundo uma pesquisa feita pela Gartnet, 87% das organizações têm baixa maturidade em BI e análise? Este é um número alarmante e que, acima de tudo, só reforça o quanto as companhias precisam se atentar para tal fato.

Como dito antes, o business intelligence serve para auxiliar na tomada de decisões, a partir de dados e históricos apresentados.

Ele tem como objetivo facilitar o negócio e torná-lo mais eficiente, identificando as tendências do mercado para melhorar as vendas. Além disso, também ajuda em qualquer aspecto da sua empresa, o aprimorando.

A inteligência empresarial é importante, pois identifica áreas e maneiras de aumentar o lucro. Isso porque ela:

  • Otimiza as operações;
  • Analisa o comportamento dos clientes;
  • Compara dados com companhias concorrentes;
  • Acompanha o desempenho da sua empresa;
  • Identifica as novas tendências no mercado e;
  • Aponta os problemas e desafios que sua empresa pode vir a ter.

Todas essas técnicas servem para melhorar o ambiente corporativo, suas formas de negócio e a competitividade da empresa. Sem o BI, a empresa perde em questão de gerenciamento e pode ter inúmeros prejuízos ao falhar nessa parte.

Quais benefícios o BI pode trazer para o ambiente corporativo?

O business intelligence vai organizar e estruturar um planejamento estratégico com o objetivo de criar uma boa vantagem competitiva, agregando valor à sua empresa e também às suas formas de fazer negócio com os clientes.

Ele dá velocidade na hora de tomar decisões de qualidade, potencializa operações tornando-as mais eficientes e otimiza processos.

Mais um benefício da inteligência empresarial é que ela facilita na hora de visualizar as análises e os relatórios com os resultados de processos corporativos.

Dessa forma, ao precisar tomar uma decisão que esteja relacionada diretamente com seu orçamento, se você tiver um relatório detalhado, em sua máquina — seja ela um celular ou computador —, é mais fácil saber o que fazer.

Com esse relatório é possível ter uma visão panorâmica da sua empresa e você terá facilidade em tomar uma decisão, baseada em uma estratégia inteligente, com mais rapidez.

Isso poupa tempo e esforço, e melhora a forma de guiar sua empresa de forma estratégica.

Como aplicá-lo na minha empresa?

Agora que você já sabe o que é, a importância e os benefícios do business intelligence, é preciso entender que existem três pontos indispensáveis para que seja criada a melhor estratégia possível para o seu negócio e também para melhorar o ambiente corporativo.

Assim, por mais difícil que seja modificar seu empreendimento, é necessário seguir esses 3 pontos básicos para que não haja erro:

1. Mantenha a qualidade e confiança de dados

Para que a estratégia seja bem-sucedida, é indispensável manter a atenção à qualidade de informações que são utilizadas no processo que dará início a sua nova gestão com o business intelligence.

É importante que elas sejam fáceis de interpretar e acessíveis, que estejam armazenadas em um local com infraestrutura de qualidade e que seja capaz de mostrar esses registros de forma íntegra e ágil.

2. Tenha uma visão clara dos objetivos

As pessoas responsáveis por essa estratégia de inteligência de empresas precisam ter uma boa visão dos objetivos, que tudo seja visto com clareza, para que a análise dos dados seja bem executada.

Eles devem saber quais são as metas da sua companhia, quais os pontos altos e baixos, as necessidades, o que tem de mais e de menos.

Dessa forma, torna mais fácil a coleta de dados online, a análise de e-mails, de bancos de dados da sua empresa, automação de marketing, dentre outros.

É importante que o analista tenha acesso a outras fontes também, tais como órgãos do governo, sindicatos, entre outras.

3. Adapte a empresa de acordo com as metas estabelecidas

Você precisa estar pronto para mudar sua empresa de acordo com as metas que são estabelecidas.

O BI deve ser aplicado corretamente no seu planejamento, concedendo à empresa maior competitividade no mercado, sendo capaz de gerenciar a companhia com saúde e sustentabilidade.

Além disso, seus analistas precisam ser capazes de adaptar a inteligência de empresas às metas, conforme forem alcançadas.

Quais as principais ferramentas de BI do mercado?

As ferramentas de business intelligence são responsáveis por coletar, organizar e agilizar os processos de análise. Elas processam os conjuntos de dados gerados dia após dia em diferentes operações corporativas.

Dessa maneira, elas permitem que os indivíduos consigam entender facilmente estas informações, mesmo sem conhecimento especializado.

Isso porque elas fornecem relatórios analíticos, resumos, painéis, mapas e outros pormenores indispensáveis para que tudo seja detalhado e compreensível.

Além disso, elas são fundamentais para, com os arquivos analisados, conseguir determinar uma tendência dos consumos dos seus clientes, auxiliando a entender as mudanças comportamentais e a acompanhar melhor as decisões tomadas pelo seu público-alvo.

Isso impacta diretamente no bem ou serviço que presta à clientela e, consequentemente, em seu lucro.

Para isso, existem inúmeras ferramentas disponíveis no mercado, com diferentes funções e propostas para as corporações.

Gratuitas ou pagas, elas devem ser consideradas por meio do seu custo-benefício e, claro, do quanto sua equipe vai se adaptar a esta transformação.

Logo, algumas das principais seriam:

  • Google Data Studio, que conquistou os usuários por ser totalmente gratuito;
  • Board, por combinar três ferramentas em uma;
  • Salesforce, famoso por suas soluções de software no segmento;
  • SAS Visual Analytics, que fornece uma espécie de self-service BI;
  • Microsoft Power BI, considerado um dos mais populares;
  • Tableau, que chama a atenção pelo Processamento de Linguagem Natural;
  • Domo, intitulado de amigo ideal de um especialista em BI.

Lembrando que as três últimas estão presentes, ainda, na lista da CIO de 2019.

E as tendências de business intelligence para 2020?

Para falar a verdade, o business intelligence não para de crescer e as previsões para esse ano também. A primeira novidade está relacionada às análises preditivas e prescritivas que podemos resumir à realização da extração de informações que sejam relevantes, pensando em como prever as probabilidades do futuro.

De acordo com a IBM, a Inteligência Artificial é outra que é muito falada e tem como tendência fazer, cada vez mais, parte do mundo dos negócios.

Ela será uma peça muito importante no business intelligence, por melhorar a situação de processos, otimizando serviços e aumentando a qualidade na hora de tomar decisões nas organizações.

E com a inteligência empresarial colaborativa, as chances de sucesso se tornam maiores por ser uma gestão em conjunto, de modo que vai contribuir para todas as pessoas que trabalham nessa área. Além disso, gera resultado.

É por esse motivo que o direcionamento do business intelligence para essa área é essencial e deve fazer parte do debate dos gestores.

Falando nisso, a gestão de pessoas vem se tornando outra tendência conhecida no mundo da inteligência de empresas, afinal, o BI promove maior conhecimento dos funcionários relacionado a esses processos.

Isso tem como objetivo tornar os trabalhadores mais conscientes do que os cercam, desde erros, a metas.

Por fim, existe o monitoramento da concorrência, que é essencial para todas as organizações que querem se manter competitivas no mercado.

E, mais que isso, fazer sua empresa sair na frente, alinhando-se às necessidades dos seus clientes e futuros clientes.

Conclusão

A verdade é que o BI é um fator indispensável para que você consiga entender e conhecer seus concorrentes, até mesmo saber o que é falado sobre eles.

E não apenas isso. Ele é uma peça-chave na análise de seus dados, fazendo a diferença em meio à transformação digital e apontando que é mais do que possível usar a tecnologia na sua vivência corporativa.

👍🏾 Curtiu o conteúdo? Acompanhe também nosso canal lá no YouTube, mas não se esqueça de ativar o sininho pra receber os próximos vídeos. 🔔

Aproveite e siga a gente no Instagram. 👌🏾

👋🏾 Receba nossos conteúdos

Um montão de gente inteligente deixou o e-mail aqui pra receber nossos conteúdos antes de todo mundo. Falta só você!
🔒 Relaxa, seus dados estão 100% protegidos.

Compartilhe aqui

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Este conteúdo foi escrito por
Equipe de Crescimento

Equipe de Crescimento

Conteúdo escrito pela nossa equipe de especialistas, que tem a missão de fornecer Informações e Dicas Poderosas sobre Transformação Digital em Marketing e Vendas de forma Acessível e Desburocratizada.

Leia também e aprenda mais

Seus resultados estão deixando você feliz?

Podemos conversar sobre sua operação de marketing e vendas pra descobrir quais pontos chaves podem ser melhorados com a Transformação Digital, de acordo com seus objetivos e metas. Vamos?
Growthboard - Transformação Digital em Marketing e Vendas
Rolar para cima

E-mail cadastrado com sucesso!

A partir de agora você receberá nossos conteúdos sempre que saírem. Aproveite e confira o e-mail de boas vindas que acabamos de te enviar.
Se não recebeu, confira sua caixa de SPAM ou Lixo Eletrônico.
Logo Marketing de Crescimento White

Continue aprendendo com nossos conteúdos

Deixe seu e-mail aqui embaixo e esteja sempre por dentro dos nossos melhores conteúdos 👇🏾👇🏾